TVI24

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por digatv em Sex 15 Fev 2013 - 21:16

São um bocado excessivo por vezes, com bastantes animações... não são cenários reais.

Os da RTP são os piores! A SIC também renovou os de alguns programas e ficaram uma cagada.

digatv
Membro

Mensagens : 2288
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por digatv em Dom 17 Fev 2013 - 13:16

JOSÉ ALBERTO DE CARVALHO


HENRIQUE GARCIA


JUDITE DE SOUSA


HENRIQUE MATEUS


SOUSA MARTINS


ANA FILIPA NUNES


CLÁUDIA LOPES


PEDRO PINTO


PEDRO CARVALHAS


JOSÉ CARLOS ARAÚJO


BEATRIZ JALÓN


RITA RODRIGUES


PAULO SALVADOR


CONCEIÇÃO QUEIROZ


ANA LEAL


CRISTINA REYNA
avatar
digatv
Membro

Mensagens : 2288
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Nick Name em Dom 17 Fev 2013 - 13:31

Muito bom!

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Nick Name
Administrador

Mensagens : 8978
Data de inscrição : 29/12/2009
Idade : 25
Localização : Perereca da Vizinha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por digatv em Dom 17 Fev 2013 - 13:34

Também concordo. As promos estão muito boas!

Já agora Cláudio, muda o nome do tópico. "TVI24 - 4º ANIVERSÁRIO"
avatar
digatv
Membro

Mensagens : 2288
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por david silva em Dom 17 Fev 2013 - 15:20

Realmente excelentes promos!!!

david silva
Membro

Mensagens : 4064
Data de inscrição : 14/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por digatv em Sab 23 Fev 2013 - 5:21

Já há mais promos na TVICriativa. Esmeraram-se... são imensas e muito boas. Ao todo são 32 jornalistas.
avatar
digatv
Membro

Mensagens : 2288
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Qua 27 Fev 2013 - 2:01

Depois de Marques Mendes ir para a SIC, também Santana Lopes deixa a TVI24 para ser comentador da CMTV.

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por DJ em Qua 27 Fev 2013 - 12:12

em pleno mes de aniversário, a tvi24 está a perder alicerces que sustentavam alguns programas.


Última edição por DJ em Qua 27 Fev 2013 - 14:27, editado 1 vez(es)
avatar
DJ
Membro

Mensagens : 2838
Data de inscrição : 04/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por john_123 em Qua 27 Fev 2013 - 14:25

Bem, este aniversário está a correr bem está.

john_123
Membro

Mensagens : 2076
Data de inscrição : 04/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por CriticoTV em Qui 28 Fev 2013 - 2:06

DJ escreveu:em pleno mes de aniversário, a tvi24 está a perder alicerces que sustentavam alguns programas.
Vão ter que jogar forte, senão podem cair muito. Então o Marques Mendes...

CriticoTV
Membro

Mensagens : 75
Data de inscrição : 03/01/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por DJ em Seg 25 Mar 2013 - 17:01

o canal voltou a ganhar a concorrente principal: sic noticias, esta ultima sexta feira.
Embora com 100 telespectadores de diferença, ambas acabaram por empatar em quota de mercado com 1,5




















avatar
DJ
Membro

Mensagens : 2838
Data de inscrição : 04/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Ter 26 Mar 2013 - 22:46

DN escreveu:Paulo Rangel reforça comentário na TVI24

O deputado europeu do PSD substitui Santana Lopes na equipa de comentadores residentes da Prova dos Nove, programa semanal apresentado por Constança Cunha e Sá.


Está encontrado o sucessor de Pedro Santana Lopes na Prova dos Nove, programa de análise política emitido à quinta-feira às 23.00 na TVI 24.

O eurodeputado Paulo Rangel vai substituir o antigo primeiro ministro e esgrimir argumentos com Francisco Assis e Fernando Rosas, os outros comentadores da emissão, moderada por Constança Cunha e Sá.

A estreia de Rangel, que foi comentador da RTP Informação, está agendada para a primeira semana de abril, segundo informação oficial da estação de Queluz de Baixo, que se diz "orgulhosa" por "passar a contar com uma voz independente, determina e que contribuir para interpretar e clarificar os acontecimentos mais relevantes do nosso tempo".

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por DJ em Ter 26 Mar 2013 - 23:10

Leite e agora Rangel...só laranja, portanto
avatar
DJ
Membro

Mensagens : 2838
Data de inscrição : 04/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por david silva em Ter 26 Mar 2013 - 23:47

DJ escreveu:Leite e agora Rangel...só laranja, portanto
Já é habitual na TVI...

david silva
Membro

Mensagens : 4064
Data de inscrição : 14/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Nick Name em Qua 27 Mar 2013 - 0:48

Vocês às vezes são muito limitados. Se sairam o Santana Lopes e o Marques Mendes, tem lógica que sejam duas pessoas do PSD a substitui-los.

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Nick Name
Administrador

Mensagens : 8978
Data de inscrição : 29/12/2009
Idade : 25
Localização : Perereca da Vizinha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por CriticoTV em Qua 27 Mar 2013 - 0:58

DJ escreveu:Leite e agora Rangel...só laranja, portanto
Sim. Mas também há Augusto Santos Silva, o Assis...

CriticoTV
Membro

Mensagens : 75
Data de inscrição : 03/01/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por digatv em Qua 27 Mar 2013 - 1:40

avatar
digatv
Membro

Mensagens : 2288
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por DJ em Qua 27 Mar 2013 - 12:36

Klaudi-O escreveu:Vocês às vezes são muito limitados. Se sairam o Santana Lopes e o Marques Mendes, tem lógica que sejam duas pessoas do PSD a substitui-los.

Sim eu sei, mas estava me a referir indirectamente para o facto de os comentadores oficiais da TVI generalista ser só do PSD.
A Leite vai ser tambem comentadora na tvi mãe, pelo menos aparece "brevemente" nas promos que passam na generalista.
avatar
DJ
Membro

Mensagens : 2838
Data de inscrição : 04/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Nick Name em Qua 27 Mar 2013 - 13:31

Não vai nada!

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Nick Name
Administrador

Mensagens : 8978
Data de inscrição : 29/12/2009
Idade : 25
Localização : Perereca da Vizinha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por DJ em Qua 27 Mar 2013 - 14:01

Então o que é que aquela promo de "está a chegar a tvi aquela que teve razão antes do tempo", esta a fazer na TVI mãe? aparece brevemente e em baixo esta o logotipo do próprio canal, daí a minha dúvida.

EDIT: A Manuela vai de certeza para a TVI mãe. A promo continua no ar e com "está a chegar a TVI..."
avatar
DJ
Membro

Mensagens : 2838
Data de inscrição : 04/12/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Qui 8 Ago 2013 - 21:19

DN escreveu:'Mais Futebol' regressa com Nuno Gomes como convidado

O programa apresentado por Cláudia Lopes regressa esta sexta-feira à antena da TVI24 e vai contar com uma entrevista ao antigo ponta de lança do Benfica.

Com o aproximar do arranque de mais uma época desportiva, Nuno Madureira, Pedro Ribeiro, Tomaz Morais e Pedro Barbosa regressam à antena da TVI24 para comentarem a atualidade desportiva.

Na primeira emissão de mais uma temporada de Mais Futebol, ao lote de comentadores junta-se ainda Nuno Gomes, que vai falar sobre a sua carreira e antever a época 2013/ 2014.

O programa vai para o ar às 22.00 na TVI24.

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Qui 22 Ago 2013 - 22:15

aTV escreveu:Volta a Espanha 2013 na TVI24

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Uma das três «grandes voltas» da Europa e uma das provas de ciclismo mais importantes do mundo, a Volta a Espanha em Bicicleta arranca já este sábado, na Galiza.

Uma prova que conta com 22 equipas de excelência e 200 ciclistas, entre os quais estão alguns dos melhores do mundo. Destaque para Alejandro Valverde, Vincenzo Nibali, Ivan Basso e Joaquim Rodríguez, que reúnem as maiores expectativas para a conquista da «camisola vermelha». A participação portuguesa é assegurada por André Cardoso e José João Pimenta.

Na TVI24, ao longo das próximas três semanas, irão acompanhar, em directo, aquele que é um dos mais emocionantes acontecimentos desportivos do ciclismo mundial.
São mais de 3.300 kms, com 13 etapas de média e alta montanha, muitas em dificuldades extremas, como é o caso do terrível Alto de L’Agliru, nos Picos da Europa, ou a etapa dos Pirinéus.
Com um total de 21 etapas, a Volta termina em Madrid, a 15 de Setembro.

De 24 de Agosto a 15 de Setembro, La Vuelta está na TVI24!

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Sex 30 Ago 2013 - 15:38

NTV escreveu:Polémicas do futebol com humor e cultura

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Joaquim Sousa Martins vai distribuir jogo por quatro convidados, Eládio Paramés, Pedro Henriques, Pedro Sousa e Rui Sinel de Cordes. A estreia é domingo, às 22.00.

"O cenário do programa será qualquer coisa entre um ringue de boxe e um balneário de futebol", atira Joaquim Sousa Martins sobre o estúdio de Contragolpe. A partir daqui, e "com uma realização de câmara ao ombro, dinâmica e descontraída", tudo se pode esperar do novo programa de futebol da TVI24, que se estreia domingo às 22.00. A Sousa Martins cabe lançar as polémicas aos quatro comentadores residentes: os jornalistas Eládio Paramés (que não pôde estar presente neste trabalho) e Pedro Sousa, que já é aposta da TVI para narrar os jogos da Liga dos Campeões, o ex-árbitro Pedro Henriques e o humorista Rui Sinel de Cordes. "O cenário está preparado para receber mais oito pessoas ligadas ao futebol", revela o apresentador. À hora de fecho desta edição os nomes dos convidados estavam ainda "a ser fechados".

À mesa de uma esplanada com vista para o Tejo e depois de darem alguns toques na bola, os protagonistas de Contragolpe não podiam estar mais de acordo quanto ao dia da estreia. "Temos o dérbi Sporting-Benfica no sábado [amanhã]", diz Pedro Henriques, enquanto Pedro Sousa acrescenta: "Na sexta-feira [hoje] haverá a final da Supertaça Europeia entre o Chelsea e o Bayern de Munique." Sousa Martins intervém para recordar que "o mercado futebolístico em Portugal fecha na segunda-feira (2 de setembro)".


Haverá um momento à Marcelo

Mas nem só desses acontecimentos se fará a estreia de Contragolpe, até porque no final de cada emissão haverá espaço para o humor. "Vamos ter uma espécie de momento à Marcelo, com sugestões culturais aos jogadores, que às vezes tanta falta lhes faz, como um filme que devem ver ou um livro que não devem deixar de ler", conta Rui Sinel de Cordes, que prossegue: "Teremos ainda a sondagem que se destina ao público que está em casa. Faremos uma pergunta séria, que poderá ter respostas mais descontraídas."

As declarações dos treinadores e jogadores serão vistas à lupa pelo humorista. "Vamos ter uma rubrica que será "O que eles realmente queriam dizer". Vamos pegar nas meias palavras dos treinadores e dos jogadores e discutir o que realmente eles queriam dizer". Estreante nestas andanças, Rui Sinel de Cordes diz que os amigos já lhe fizeram alguns avisos: "Tem juízo, que aquilo não é a SIC Radical, não podes mais ir ao Colombo (centro comercial lisboeta onde o árbitro Pedro Proença foi agredido). Estou a brincar. Quem me conhece bem diz que é o programa ideal para mim e vou brincar com tudo, menos com o Pinto da Costa porque era processo certo".

Pedro Sousa em jeito de brincadeira diz que lhe cabe a ele "pagar as cervejas". A falar a sério, ele promete acalorar as conversas. "Não me vou negar a qualquer discussão. Gosto de provocar e de ser provocado. Tenho espírito aberto e o futebol tem tanta coisa por onde se pode pegar. Apesar de haver muitos programas, nós podemos fazer a diferença. Até agora não recebi uma mensagem do tipo: "Vê lá se tens cuidado com o que dizes"."

Sousa Martins realça: "Não vai haver um elemento de cada clube. Todos participarão nas discussões, mesmo os convidados que irão estar no estúdio." As polémicas à volta dos três grandes do futebol português, Benfica, Sporting e FC Porto vão ter destaque em cada emissão, mas a atualidade internacional não será esquecida. "Se tivermos de discutir a transferência do Gareth Bale para o Real Madrid, iremos fazê-lo, assim como discutir o mau momento do Tottenham na Liga inglesa se isso acontecer. Iremos discutir as polémicas sobre o José Mourinho, o André Villas-Boas ou o Cristiano Ronaldo. Poderemos até discutir a nova vida do Manuel Cajuda na China."

O desacordo de opiniões está à partida garantido entre os comentadores residentes e os convidados. Contudo, Rui Sinel de Cordes deixa a promessa: "O que aconteceu com o Dias Ferreira que se levantou e saiu em direto do estúdio nunca irá acontecer." Joaquim Sousa Martins brinca: "Quando um se for embora, vamos todos atrás dele."

Se o humor fica mais por conta de Rui Sinel de Cordes, as arbitragens serão pelouro de Pedro Henriques. "Irei analisar os lances mais polémicos à luz da lei, mas não deixarei de dar a minha opinião e fazer pedagogia para que as pessoas olhem para o árbitro de maneira diferente", diz o antigo homem do apito.


Com as novas tecnologias nas mãos

A postura dos apresentadores e dos comentadores será um pouco diferente do que os espectadores estão habituados a ver, alerta Sousa Martins. "As pessoas não estranhem por nos verem com os nossos iPads ou smartphones a escrever. Não estaremos a mandar mensagens para a mãe ou para a namorada, mas a trocar mensagens com as pessoas através do Facebook e do Twitter."

Contragolpe vai concorrer com Tempo Extra, da SIC Notícias, e Trio d'Ataque, da RTP Informação. "O domingo à noite é bastante forte no cabo. A concorrência já está instalada e faz muito bem o seu trabalho. Temos um novo produto, diferente, e queremos ganhar", finaliza Sousa Martins.

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Jnpc em Sex 25 Out 2013 - 21:29

NTV escreveu:José Alberto Carvalho: "Futebol na TVI24 é uma opção estratégica. Dá resultados? Pois dá!"

O diretor de Informação fala sobre os resultados dos canais de Queluz de Baixo, do que quer para o futuro da TVI24 e da concorrência do cabo.


Desde dezembro do ano passado que a TVI24 tem conquistado espectadores e se tem aproximado em audiência da SIC Notícias, que, apesar de perder público, se mantém líder entre os canais informativos no cabo. Qual tem sido o segredo para a ascensão?

Ter ideias nas quais acreditamos, pelas quais nos batemos e que levamos convictamente até ao fim, custe o que custar.

Só isso vai chegar para alcançar o êxito?

Vai chegar sim, como em tudo na vida. Claro que tem sido difícil, mas se fosse fácil não era [um projeto] para mim nem para esta equipa. Sendo fácil qualquer pessoa pode fazê-lo, sendo difícil e conseguindo é porque temos o que é preciso.

O que é que é mais importante: superar a SIC Notícias em audiências e manter a RTP Informação à distância ou ser um canal que, para os espectadores, passou a ter peso?

Ambas. A TVI24 é distribuída em duas plataformas de cabo e IPTV, a Zon e a Meo, portanto o share que obtém no mercado de televisão por subscrição é importante na medida em que é através dessa conta que os nossos orçamentos são, em parte, estabelecidos. Depois, porque o objetivo de um canal de informação é ser influente, sobretudo no cabo.

Desde que reestruturou o canal que anunciou três medidas fundamentais. Continua a segui-las?

Continuo. Uma delas era a TVI24 ser o mais ágil e o mais rápido dos canais informativos portugueses. A verdade é que, atualmente, a esmagadora maioria das notícias em primeira mão é dada, em primeiro lugar, na TVI24. E são dadas recorrendo a todas as linguagens - oral, escrita e visual - e a todas as tecnologias disponíveis - o telemóvel, a câmara, o satélite, o quicklink [um sistema de transmissão sem fios].

A reestruturação da redação que fez em 2011 ajudou a alcançar esse objetivo?

A grande alteração no fluxo de trabalho aconteceu porque não podíamos continuar a falar para os espectadores sobre os mesmos assuntos nem a organizarmo-nos internamente da mesma maneira, quando as pessoas se comportam de forma completamente diferente. Fomos pioneiros em Portugal na reorganização da redação e isso permitiu-nos concretizar a segunda das três medidas que referiu: termos o ecrã multimédia mais completo do país. Juntámos equipas de multimédia e de televisão para produzirem informação de uma forma integrada, seja a informação escrita que surge na TVI24, seja a que aparece no site ou nas aplicações.

A que aspetos se refere quando diz que as pessoas se comportam de forma diferente perante a televisão?

Por exemplo: não conheço ninguém que se sente às oito da noite para ver noticiários. As pessoas já não veem notícias a determinada hora do dia, mas sim quando lhes dá jeito. Antigamente, quando isso acontecia, organizávamos e produzíamos TV de uma determinada maneira. Hoje em dia, como já não é assim, tudo muda. A organização das empresas, os temas, a maneira como são alinhados e apresentados e a linguagem utilizada.

É aí que redes sociais e TV se cruzam?

A televisão tem de estar dentro das redes sociais porque é o principal iniciador de grande parte das discussões que se desenvolvem dentro delas. Isto é um absurdo do ponto de vista jornalístico, mas é uma realidade: a TV produz informação, acontecimentos, opiniões e comentários, que por sua vez suscitam debates intensos nas redes sociais, debates esses que excluem a televisão que lhes deu origem. Isto não faz sentido. Temos de fazer cruzar estes dois universos. É preciso não esquecer que a informação chega até nós sem que a tenhamos pedido, embora muitas vezes seja apenas a mera repetição de notícias.

É pouco diversificada?

É sem dúvida menos aprofundada do que nunca, menos diversificada e menos distinta do que nunca, e isso merece reflexão. Nós estamos atentos a isso e acho que conseguimos ter esse equilíbrio e fazer essa ponte. Ainda de uma forma imperfeita, sem dúvida, porque continuamos à procura de respostas. O que temos muito certo é que o comportamento das pessoas mudou e isso deve obrigar também a uma mudança da nossa parte. Nós não somos uma mera empresa de televisão. Acho que damos cartas e as pessoas percebem isso.

O futuro da TVI24 passa apenas por desenvolver o canal em termos multiplataforma?

Espere, espere... Vamos lá a ver. Nós já fazemos isso há ano e meio, e já chegámos tarde a este mercado. Temos muitos passos para dar, é verdade, mas estamos muito concentrados nisso. Os nossos concorrentes não estão.

O que o faz acreditar que é esse o caminho correto?

Somos parceiros, neste último ano com a companhia do Diário de Notícias, dos encontros anuais organizados pela Fundação Francisco Manuel dos Santos. O que aconteceu de uma forma muito significativa foi que nos dois dias em que transmitimos quase na íntegra as conferências sobre a Europa, que é um tema muito difícil por ser distante dos portugueses, a TVI24 foi o canal de notícias mais visto do país. Isso dá-nos um grande orgulho e significa que o nosso caminho está correto. Encurtámos a distância para a líder SIC Notícias, consolidámos as nossas audiências e aumentámos em mais de 60 por cento no prime time, mais de 40 por cento na audiência média do dia. E isto com controlo absoluto de custos. Estamos a trabalhar com metade do orçamento com que a empresa trabalhava antes da crise, temos o dobro dos resultados e uma influência e uma importância para a vida das pessoas que é óbvia.

A concorrência já atribuiu esses resultados aos direitos de transmissão para Portugal da Liga dos Campeões, que pertencem a Queluz de Baixo.

Acho irónico que tentem desvalorizar os resultados da TVI24 dizendo que é por causa do futebol. Que me desculpem, mas todos os canais que são nossos concorrentes têm futebol. Têm até mais programas sobre futebol do que nós. Só não têm as imagens.

Também já criticaram a TVI24 por dar demasiada importância ao desporto-rei...

Bom, mas olhe que vi na RTP, durante este verão, jogos de futebol em barda. Até vi a repetição do Portugal-Brasil, que tinha passado de madrugada na RTP1. E vi muitos jogos de futebol na RTP Informação. E vejo jogos de ténis na SIC Notícias. É uma opção.

Uma opção estratégica, de afirmação?

Claro. Nós fizemos essa opção estratégica desde o início das nossas negociações com a UEFA, de que os direitos dos quais somos detentores para Portugal incluíssem a TVI e a TVI24. Isto não é por acaso. As emissões da TVI sobre a Liga dos Campeões começam na TVI24, prolongam-se na TVI durante a transmissão do jogo em sinal aberto, e esgotam-se depois outra vez na TVI24. Isto é uma opção estratégica clara e inequívoca. Dá resultados? Pois dá! É essa a ideia. Os outros já tiveram oportunidade de o fazer e há outros canais que têm direitos de outras competições. Podem fazer exatamente o mesmo que nós. Não sei de que se queixam. Seria bom que os nossos concorrentes reconhecessem que os nossos melhores resultados foram conseguidos em maio, junho e julho, quando já não havia Liga dos Campeões. Os números são inequívocos, mesmo que existam canais a dizer que crescem 170 por cento por semana.

A vossa aposta no ciclismo também faz parte dessa opção estratégica?

O ciclismo é claramente uma área em que iremos investir mais. Estamos muito satisfeitos com a aposta que fizemos na Volta a Espanha em bicicleta, uma vez que não temos os direitos da Volta a Portugal e à França.

Em que sentido pretendem concretizar essa aposta? Querem outras competições ou mais conteúdos sobre a espanhola?

Queremos mais competições. Estamos em negociações de direitos. Não tenho problema nenhum em admiti-lo, são direitos que estão disponíveis no mercado e quem oferecer a melhor proposta fica com eles. Sublinho: isto é feito num contexto de total dificuldade económica, de contração de mercado, de diminuição do investimento publicitário, com controlo de custos. Como já disse, estamos a gastar menos de metade do que a TVI24 já gastou no passado e com mais do dobro dos resultados. Isso deixa-me satisfeito? Deixa.

Almejam a liderança?

Sim, mas sem metas. A meta, a minha meta, é sempre comigo próprio e é isso que procuro transmitir às minhas equipas: temos de ser melhores do que nós próprios. Há um dia em que ser melhor do que nós significa ser melhor do que os outros. Portanto, a estratégia dos outros é importante, sim, mas a nossa é mais. As nossas metas, os nossos desafios individuais e coletivos são muito mais importantes do que os dos outros.

Esse desafio de superação tem prazo estabelecido?

Sempre sem prazos. Isso seria ser profético. Já houve quem fizesse esse tipo de profecias e se tenha dado mal. A vida é dinâmica, às vezes ganhamos, outras vezes perdemos, e isso deve ser encarado com naturalidade. Eu sou um relativista. Está aqui este senhor [agarra num boneco de Albert Einstein], que me acompanha, que é o pai da teoria da relatividade. Ele não está aqui por acaso, mas porque, além de ser um grande matemático e físico, era também um grande filósofo e conhecedor do espírito humano. Dizia coisas como "o que é insensato e insano é insistir nas mesmas fórmulas e pretender obter resultados diferentes". Isso é estúpido. Foi ele que o disse. E disse ainda que "difícil é algo que se pode fazer já. Aquilo que é impossível só demora um pouco mais de tempo". A história da humanidade é feita disto.

Além do ciclismo, que apostas tem a TVI24 preparadas para alcançar esse "impossível"?

Os comentadores, o debate político puro, o acompanhamento da atualidade, a velocidade de reação aos acontecimentos, a interação com o público, a presença em diversas plataformas... Não vamos reduzir isto ao ciclismo. É a aposta em tudo. Acredito que, apesar de pensarem o contrário, as pessoas precisam hoje mais do que nunca de jornalismo. Vivemos uma era de enganos e de algumas mentiras porque as pessoas se deixam enganar, porque não refletem o suficiente sobre o que as rodeia, estão anestesiadas pela overdose de informação que recebem, e confundem comentários no Facebook com informação séria e enquadrada. A aposta passa sempre por nos tornarmos mais relevantes para a vida dessas pessoas, por as fazer entender que precisam de nós.

Em que é que os magazines como Fotografia Total, Ganhar Mundo, Cinebox ou Mesa Nacional são relevantes para os espectadores?

São espaços emitidos sobretudo ao fim de semana, em que temos uma programação mais diversificada. São uma área em constante avaliação e remodelação. Aliás, por isso é que também queremos apostar ainda mais em cinema. A TVI deve ser a estação mais próxima dos atores, dos argumentistas e dos realizadores portugueses. No seu conjunto, é o palco de Portugal em tudo. É o palco onde os portugueses se divertem, onde se reveem, onde se conhecem, onde se emocionam, riem e se informam.

Não conseguem fazê-lo através dos outros canais?

Não sei... talvez em brasileiro, né? [fala com sotaque] Nós produzimos em português de Portugal, não em português do Brasil.

O que acha da informação produzida pela SIC e pela RTP?

Acho que é um ótimo trabalho. Mas, no prime time, nós lideramos.

Jnpc
Membro

Mensagens : 23326
Data de inscrição : 06/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Eu João em Dom 27 Out 2013 - 11:54

Parece-me que tem uma visão e objectivos bastante correctos e claros...

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Leia a entrevista, aqui!

VISITE O SITE DO FANTASTIC, AQUI!
avatar
Eu João
Membro

Mensagens : 6308
Data de inscrição : 07/01/2010
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Matorazzi em Qui 7 Nov 2013 - 12:16

Zapping TV escreveu:Maria João Bastos ganha rubrica na TVI24
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A atriz Maria João Bastos vai conduzir um espaço dedicado ao Lisbon & Estoril Film Festival. Esta rubrica vai estar integrada no “Diário da Manhã” e no “25.ª Hora”, ambos da TVI24, informa o Diário de Notícias.
Com a despedida oficial de Liliane Marise, que ocorreu em Guimarães, a atriz está livre de compromissos profissionais na área da ficção e vai dedicar-se agora a esta rubrica de cinema que arranca quinta-feira e dura até ao dia 18, coincidindo com a data de fim do festival.
A escolha da atriz prende-se também ao facto de ser uma presença assídua no cinema. De recordar que Maria João Bastos protagoniza o filme “The Giacomo Variations”, onde contracena com John Malkovich e foi nomeada em outubro para o Prémio Sophia na categoria Melhor Atriz Secundária pela sua atuação no filme”A Moral Conjugal”.

Matorazzi
Membro

Mensagens : 1674
Data de inscrição : 08/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TVI24

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum